quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Amizade é...



Acompanhar uma amiga ao hospital para uma das últimas consultas antes do nascimento e começar a chorar quando se lê "Bloco de Partos"!

Ps: P., acho que depois disto já és a favorita!

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

São Peterburgo - Parte I


Cá está a Parte I do vosso novo "photo-reporter" Louis (sempre quis fazer uma Parte I de alguma coisa!). Em directo de São Petersburgo, cidade dos canais, melgas, russas e blinis com ovas de salmão e caviar! Mas também das ruas enooormes e intermináveis. Mas isso já será para a sequela da foto-reportagem...
Então, para começar, um pequeno "cliché" cá do sítio só para colocar o ambiente e situar os leitores:


O grande "Hermitage" do lado do rio Neva

E a prova de que em São Petersburgo, tudo é possível:



Fiquem atentos à Parte II daquilo que promete ser a viagem das vossas vidas!! (Sabem que num Teaser decente é sempre preciso exagerar um pouco, certo?)

Paka!

LOUIS

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Percebemos que começamos a ficar velhos...

Quando vamos de viagem com uma parte do nécessaire cheia de medicamentos... Just in case aspirina, paracetamol, kompensan, pankreoflat, brufen... check!

ella

sábado, 13 de agosto de 2011

Amar é...



As is tradition, the bride and groom exchanged gifts prior to the wedding. While Matthew purchased Emily the watch that she had always wanted. Emily commissioned a custom ring for Matthew’s shooting hand (as opposed to for his wedding band). This one of a kind band has the depth of field scale from his favorite lens, the .95 Noctilux. On the sides, the ring features both Matthew’s name and The Leica Guy moniker on one side, and the Lens information including name, filter size, and serial number on the other.

So cool and so romantically nerd!
O Louis anda tão apaixonado pela sua nova máquina fotográfica que num destes dias de férias enquanto estávamos no relax a ler, dei por ele a olhar muito pensativo para a janela, perguntei-lhe em que pensava e respondeu-me:
- Estava aqui a pensar na exposição da luz!
É isso chérie, é isso...
ella

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Let's get physical

Tempo para ir ao ginásio, não há. Dinheiro para gastar num ginásio ao qual após alguns meses se perde a vontade de ir, não há. Companhia para ir ao ginásio e manter a motivação, não há. Correr de madrugada, não há vontade nem paciência, nem companhia e, se houvesse, o quarteirão não é o mais apetecível em termos de terreno.
Logo, resta-me continuar a contar com a minha companheira, a simples e modesta bicicleta fixa da Decathlon comprada a uma módica quantia de "não me arrepender passado um mês e passar a cabide de roupa". Espero em Setembro recomeçar depois de dois longos meses de ausência.
Mas a coisa mais fantástica de todas são os novos DVD's da mestre Jillian Michaels que estou ansiosa por estrear, tendo eles nomes apelativos para qualquer mulher como: Yoga Meltdown, Ripped in 30 e No more trouble zones.



Pelo que já vi prometem! Com os outros dois DVD's fiquei fan e rendi-me ao facto de que não é preciso gastar dinheiro para estar em forma, como diria a Jillian: just need to shake what your mama gave you!

ella

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Fish tail

Sempre adorei tranças. Quando era pequenina eram uma constante diária porque tinha um cabelo enorme e detestava ter o cabelo na cara. Estas férias têm sido uma constante porque com o vento que tem estado é a única forma de evitar os irritantes nós no cabelo e o arrancar/entalar dos mesmos na máscara de mergulho. Como é bom não ter nada para fazer... E como ontem esteve uma valente tramontane que nos impossibilitou de ir para o mar, estive a aprender a fazer estas...


Nada como um bom tutorial que o youtube não tenha e
Charan...


Ok, pronto não está espectacular mas foi a primeira vez e devo dizer que fazer sozinha, ás cega por trás das costas... Não é nada fácil!

ella

domingo, 7 de agosto de 2011

Fish me Spa

Foto roubada do site oficial!

Ao deambular por um dos meus blogs favoritos encontrei este spa curioso e lembrei-me das viagens com os meus papás no velho carocha branco, do qual ainda hoje recordo o cheiro dos bancos à custa de tantas sonecas que lá dormi, e onde corríamos o mundo com uma tenda. Invariavelmente essas viagens começavam ou terminavam num sítio perdido em Portugal e que se chama Ponte das Três Entradas. Um parque de campismo (na altura) pequeno e por isso mesmo familiar, onde no verão o rio era a nossa piscina. Uma das minhas coisas preferidas era sentar-me na pequena represa e mergulhar os pés no rio, se ficasse sossegada num instante muitos peixinhos pequeninos vinham fazer-me cócegas no pés. Era divertido. Na altura não sabia, mas estava no spa.

ella